Fechar

Simplicidade e beleza em uma bela GUI Git

Um cliente Git gratuito para Windows e Mac

O Sourcetree simplifica o modo como você interage com seus repositórios Git, para que você se concentre no código. Visualize e gerencie seus repositórios com a GUI Git do Sourcetree.


Visualização de uma comparação de código no aplicativo Sourcetree

Simples para iniciantes

Diga adeus à linha de comando: simplifique o controle de versão distribuído com um cliente Git e deixe todos no mesmo ritmo rapidamente.

Poderoso para os experientes

Perfeito para tornar os usuários avançados ainda mais produtivos. Revise conjuntos de alteração, stash, cherry-pick entre ramificações e muito mais.

Visualize seu código

É preciso ver para crer. Veja informações sobre qualquer ramificação ou consolide com um só clique.

Git e Hg no seu desktop

Uma GUI com uma gama completa de recursos que oferece um processo de desenvolvimento eficiente e consistente imediato. Funciona com Git e Mercurial.

Visualização de alterações de código no aplicativo Sourcetree

Consolide com confiança

Visualize seu trabalho e envie por push com confiança. Prepare e descarte alterações por arquivo, fragmento ou linha.

Adição de consolidações no Sourcetree

Um cliente com recursos completos

Janela do aplicativo Git

O novo status Git

Nunca perca nada. Controle seu trabalho e fique atualizado sobre seu código rapidamente.

Visualização de problemas

Visualize seu progresso

Diagramas detalhados de ramificações tornam fácil acompanhar o progresso da sua equipe.

Monitor do computador

Git para Windows e Mac

Use o poder do Git e do Mercurial nos dois sistemas operacionais mais populares que existem.

Ícone do Git

Tenha o Git certo

Aprenda a usar o Git com tutoriais completos que mostram como ramificar, mesclar e muito mais.

Git ao seu alcance

Não é apenas uma GUI do Git. O Sourcetree coloca o poder do Git em destaque em uma interface fácil de usar.

Compatibilidade com Git Large File

O Sourcetree é compatível com o Git LFS, permitindo que as equipes rastreiem ativos grandes em um único lugar.

Fluxo de trabalho do Git pronto para uso

Faça ramificação inteligente com o Sourcetree e o fluxo de trabalho do Git, mantendo os repositórios limpos e o desenvolvimento eficiente.

Submódulos

Os submódulos facilitam o processo de gerenciar projetos, suas dependências e outros agrupamentos de projetos.

Pesquisa local de consolidações

Busque consolidações, alterações em arquivos e ramificações dentro do Sourcetree.

Troca interativa de base

Obtenha consolidações limpas com a ferramenta interativa de troca de base do Sourcetree.

Gerenciador de repositórios remotos

O Sourcetree permite pesquisar e clonar repositórios remotos por meio de sua interface simples do usuário.

Sourcetree para Windows Enterprise

Instale, atualize e gerencie o Sourcetree em escala em seu ambiente corporativo gerenciado.

Participe do programa beta Sourcetree

Inscreva-se para usar o programa beta e testar novos recursos, dar seu feedback e se envolver com a equipe do Sourcetree.

Melhore a sua produtividade com o Bitbucket

O Bitbucket é mais do que apenas gerenciamento de código Git. Ele oferece às equipes um lugar onde planejar projetos, colaborar em códigos, testá-los e implementá-los. Saiba mais

Adição de consolidações no Sourcetree

"O Sourcetree é mágico. Usar o cliente em vez da linha de comando torna muito fácil passar de ramificação para ramificação e saber o que está acontecendo com a base de código."

- Micah Sharp, Diretor de Tecnologia

Imagem de um megafone

Blog

Mantenha-se informado e atualizado com as notícias e os lançamentos mais recentes do Sourcetree.

Gráfico do Esquema Tático

Saiba mais

Comece a usar o Sourcetree seguindo este tutorial e domine o Git e seus projetos rapidamente.

Passo 1. Crie um repositório do Git

As our new Bitbucket space station administrator, you need to be organized. When you make files for your space station, you’ll want to keep them in one place and shareable with teammates, no matter where they are in the universe. With Bitbucket, that means adding everything to a repository. Let’s create one!

Passo 1. Crie o repositório

Inicialmente, o repositório criado no Bitbucket ficará vazio sem nenhum código. Não tem problema, porque logo você vai começar a adicionar alguns arquivos nele. Este repositório do Bitbucket será o repositório central para seus arquivos, o que significa que outras pessoas podem acessar esse repositório se você der permissão. Você também deverá copiar uma versão desse repositório para o seu sistema local. Assim, poderá atualizá-lo a partir de um repositório e então transferir essas alterações para o outro.

Do the following to create your repository:

  1. No Bitbucket, clique no ícone + na barra lateral global e selecione Repositório. O Bitbucket exibe a página Criar um novo repositório. Dedique alguns momentos para rever o conteúdo da caixa de diálogo. Com exceção do Tipo de repositório, tudo que você inserir nessa página poderá ser alterado posteriormente.
  2. Insira BitbucketStationSupplies no campo Nome. O Bitbucket usa esse Nome na URL do repositório. Por exemplo, se o usuário the_best tiver um repositório chamado awesome_repo, a URL desse repositório seria https://bitbucket.org/the_best/awesome_repo.

  3. Mantenha o restante das opções como estão, a menos que você queira alterá-las:

    • Nível de acesso —Deixe a caixa Este é um repositório privado selecionada. Um repositório privado só fica visível para você e para aqueles com acesso. Se essa caixa não estiver marcada, qualquer um poderá ver o seu repositório.

    • Incluir um README? —Se você tiver criado sua conta recentemente, o padrão será um README de tutorial. Para os fins a que esse tutorial se destina, escolha uma das opções Sim. Dessa forma, você iniciará com um arquivo.

  4. No Sistema de controle de versão, você pode escolher Git ou Mercurial. Se você não tiver certeza sobre qual deles escolher, mantenha Git como a opção.

  5. Clique em Criar repositório. O Bitbucket cria seu repositório e exibe a página de Origem.

Passo 2. Explore seu novo repositório

Reserve algum tempo para explorar o repositório que você acabou de criar. Para ver os atalhos disponíveis, pressione a tecla ? no teclado.

Clique em + na barra lateral global para ver as ações comuns de um repositório. Examine os links na barra lateral de navegação para ver o que há em cada um deles, incluindo as Configurações do repositório, onde você poderá atualizar os detalhes do repositório e outras configurações. Clique em Confirmações na barra lateral. Se você tiver incluído um README, verá uma confirmação nessa página.

Seu repositório é privado e você não convidou ninguém para ele. Assim, a única pessoa que pode criar ou editar o conteúdo do repositório agora é você, o proprietário.

Passo 2: Copie seu repositório e adicione os arquivos

Agora que você possui um local para adicionar e compartilhar seus arquivos da estação espacial, você precisa de uma forma de obtê-los do seu sistema local. Para configurar isso, você precisa copiar o repositório do Bitbucket para o seu sistema. O Sourcetree se refere à cópia de um repositório como "clone". Ao clonar um repositório, você cria uma conexão entre o Bitbucket Server e o seu sistema local.

Passo 1. Clone seu repositório em seu sistema local

Use o Sourcetree para clonar seu repositório para seu sistema local sem usar a linha de comando.

  1. Ao usar mais o Bitbucket, você provavelmente trabalhará em múltiplos repositórios. Por essa razão, é uma boa ideia criar um diretório para conter todos esses repositórios. Então, comece por criar um diretório no seu sistema local e chame-o de repositórios.
  2. No Bitbucket, acesse seu repositório BitbucketStationSupplies.

  3. Clique no botão Clonar no canto superior direito. O Bitbucket exibe a caixa de diálogo Clonar este repositório. 

  4. Na caixa de diálogo Clonar este repositório, clique em Clonar no Sourcetree.

  5. Na caixa de diálogo Clonar novo, atualize o Caminho de destino para <local directory>/repos/bitbucketstationsupplies. Esse caminho de destino refere-se ao diretório que você acabou de criar com a pasta para o repositório. O campo Nome permanece igual com o nome da pasta do repositório. 

  6. Click the Clone button.

Congratulations! You've cloned your repository to your local system.

Passo 2: Crie um arquivo, adicione-o localmente e o transfira para o Bitbucket

Com o repositório no sistema local, você pode começar a fazer uma lista de todos os suprimentos de que você precisa para sua estação espacial. Para fazer isso, vamos criar um arquivo para seus suprimentos.

Ao trabalhar nesta seção, as imagens podem parecer ligeiramente diferentes, dependendo de se você estiver trabalhando com um repositório do Git ou Mercurial.

  1. Clique duas vezes no repositório bitbucketstationsupplies no Sourcetree e observe se não há nada a ser confirmado para o repositório remoto a partir do seu repositório local.

  2. Use um editor de texto para adicionar as seguintes três linhas:
    space ice
    cream nerf
    darts telescope light shield

  3. Salve o arquivo como supplies.txt no diretório bitbucketstationsupplies em seu sistema local. O arquivo supplies.txt agora aparece no Sourcetree desde que você o tenha criado no seu repositório local.

  4. Agora é o momento em que você deve fazer uma captura de tela das mudanças antes de confirmá-las no histórico oficial. No menu de opções do arquivo supplies.txt, selecione Preparar arquivo (para um repositório do Git) ou Adicionar arquivo (para um repositório do Mercurial).

  5. Click the Commit button at the top to commit the file.

  6. Na caixa de mensagem, insira "Confirmação inicial."

  7. Clique no botão Confirmar abaixo da caixa. Seu novo arquivo agora está confirmado no histórico do projeto. 

    Até este momento, tudo o que você fez está em seu sistema local e é invisível para seu repositório do Bitbucket até que você transmita essas mudanças para seu repositório remoto do Bitbucket.

  8. No Sourcetree, clique no botão Transmitir para transmitir as alterações confirmadas. A transmissão permite que você mova uma ou mais confirmações para outro repositório, o que é um modo conveniente de publicar as contribuições.

  9. Na caixa de diálogo que aparece, seu próximo passo depende de se você está usando Git ou Mercurial:

    • Git–Na coluna Transmitir?, selecione o branch principal para indicar que você está transmitindo essa ramificação para a origem e clique em OK.

    • Mercurial–Tudo é automático, por isso, tudo o que você tem que fazer é clicar em OK.

  10. Acesse seu repositório BitbucketStationSupplies no Bitbucket.

    • Se você clicar em Confirmações na barra lateral, você verá sua confirmação no repositório. O Bitbucket combina todas as coisas que você acabou de fazer nessa confirmação e as mostra para você.

    • Se você clicar em Origem na barra lateral, você verá seu arquivo no repositório, o arquivo supplies.txt que você acabou de adicionar.

Passo 3. Envie um pull das alterações do seu repositório

Em sua próxima atividade como administrador da estação espacial, você precisa arquivar uma solicitação por novos suprimentos. Vamos configurar um sistema para levar suprimentos para a nossa estação espacial do Bitbucket. Com apenas um pouco mais de conhecimento sobre o Bitbucket e o Sourcetree, poderemos oferecer suporte à nossa exploração espacial por anos!

Passo 1. Crie um arquivo no Bitbucket

Para adicionar seu arquivo de solicitação de suprimentos, faça o seguinte:

  1. No BitbucketStationSupplies no Bitbucket, clique em Origem para abrir o diretório de origem. Observe que você tem apenas um arquivo, supplies.txt, em seu diretório.

    • A. Página de origem: Clique no link para abrir esta página.

    • B. Seleção de ramificação: Escolha a ramificação que deseja visualizar. 

    • C. Botão Mais opções: Clique para abrir um menu com mais opções, como 'Adicionar arquivo'.

    • D. Área do arquivo de origem: Visualize o diretório de arquivos no Bitbucket. 

  2. Na página de Origem, clique no botão Mais opçõesno canto superior direito e selecione Adicionar arquivo no menu. O botão Mais opções aparece somente após você ter incluído pelo menos um arquivo no repositório. Uma página é aberta para a criação do novo arquivo, como mostrado na imagem a seguir.

    • A. Ramificação com o novo arquivo: Altere se quiser adicionar um arquivo a uma ramificação diferente.

    • B. Nova área do arquivo: Adicione conteúdo para seu novo arquivo aqui.

  3. Insira supplyrequest no campo filename.

  4. Selecione HTML na lista Modo de sintaxe.  

  5. Adicione o seguinte código HTML na área de texto: <p>Estamos solicitando suprimentos adicionais. Por favor, enviem o seguinte:</p>
    <ul>
    <li>space ice cream</li>
    <li>nerf darts</li>
    <li>telescope light shield</li>
    </ul>

  6. Clique em Confirmar. O campo Confirmar mensagem aparece com a mensagem: supplyrequest criado on-line com o Bitbucket.

  7. Clique em Confirmar abaixo do campo de mensagem.

Agora você tem um novo arquivo no Bitbucket!  Você é encaminhado a uma página com detalhes da confirmação,  onde é possível ver a alteração feita: 

Se quiser ver uma lista das confirmações feitas até o momento, clique em Confirmações na barra lateral.

Passo 2: Envie um pull das alterações de um repositório remoto

Agora precisamos obter a solicitação de suprimentos em seu sistema local. O processo é bastante simples, basicamente apenas o inverso da transmissão que você usou para levar o arquivo supplies.txt para o Bitbucket.

To pull the file into your local repository, do the following:

  1. Abra seu repositório no Sourcetree e clique no botão Enviar pull.

    Uma janela pop-up é exibida para indicar que você está mesclando o arquivo do Bitbucket com seu repositório local.

  2. Clique em OK nessa caixa. O Sourcetree é atualizado com uma descrição do arquivo mesclado.

  3. Navigate to your repository folder on your local system and you'll see the file you just added.

Fantástico! Agora, você concluiu o fluxo de trabalho básico do DVCS (clonar, adicionar, confirmar, transmitir e enviar pull) entre o Bitbucket e seu sistema local.

Passo 4: Use ramificações do Sourcetree para mesclar uma atualização

Após olhar a revista Intergalactic Mall Magazine, você vê um par de alto-falantes que quer muito para a estação espacial. Eles são grandes o suficiente para produzir uma quantidade boa de som e macios o suficiente para que a falta de gravidade não faça com que eles se quebrem. O único problema é que eles são muito caros, e você precisa de aprovação antes de poder adicioná-los oficialmente à sua lista de suprimentos.

Enquanto isso, crie uma ramificação de recursos para que você possa atualizar os suprimentos em sua lista de solicitações enquanto espera. Depois, quando tiver aprovação, basta mesclar o arquivo de solicitações da ramificação de recursos na ramificação principal.

As ramificações são mais poderosas quando você trabalha em equipe. Você pode trabalhar em sua própria parte de um projeto a partir de sua própria ramificação, enviar pull de atualizações do Bitbucket e, então, mesclar todo o seu trabalho na ramificação principal quando ela estiver pronta. Nossa documentação inclui mais explicações sobre por que pode ser recomendável usar ramificações.

Passo 1: Crie uma ramificação e faça uma alteração

Vamos criar uma ramificação para que você possa listar os alto-falantes em seu arquivo de solicitações de suprimentos. Embora as ramificações funcionem de forma diferente entre o Git e o Mercurial, elas são criadas de forma semelhante ao Sourcetree.

  1. No Sourcetree, clique no botão Ramificação .
  2. Dependendo de se você tiver um repositório do Git ou Mercurial, você verá uma janela pop-up diferente para criar uma nova ramificação. No campo Nova ramificação ou Criar uma nova ramificação, insira wish-list como o nome da ramificação.

  3. Clique em Criar ramificação ou OK.

  4.  No Sourcetree, clique no botão Mostrar no localizador. O diretório em seu sistema é aberto.

  5. Na pasta do diretório, abra o arquivo supplyrequest com um editor de texto.

  6. Altere o arquivo adicionando o seguinte item à lista de suprimentos: 
    <li>alto-falantes antigravidade</li>

  7. Salve o arquivo.

  8. Abra a visualização no Sourcetree e observe que seu repositório agora tem alterações não confirmadas.

    A partir daí, tudo o que você fizer será igual ao que foi feito ao adicionar o arquivo supplyrequest e ao confirmá-lo pela primeira vez.

  9. Se você tiver um repositório do Git, faça com que supplyrequest.txt esteja pronto para ser confirmado selecionando Preparar arquivo no menu de opções.

  10. Click the Commit button at the top to commit the file.

  11. Na caixa de mensagens, insira "Adicionando um item na minha lista de desejos."

  12. Clique no botão Confirmar abaixo da caixa. No Sourcetree, você vê que o arquivo foi atualizado na ramificação wish-list.

Passo 2: Mescle as alterações do arquivo a partir de uma ramificação

Seus alto-falantes estão aprovados! Agora é hora de atualizar a lista principal de suprimentos com seu item da lista de desejos.

  1. Primeiramente, volte para a ramificação principal. Nos itens do menu do lado esquerdo no Sourcetree, passe o mouse sobre o lado direito do rótulo Ramificações para que a palavra Mostrar seja exibida.
  2. Quando o item Mostrar aparecer, clique sobre ele. Abaixo do cabeçalho Ramificações, você verá as duas ramificações para esse repositório, a ramificação principal e a ramificação wish-list. A ramificação principal para um repositório do Git é chamada de mestre. A ramificação principal para um repositório do Mercurial é chamada padrão.
  3. Clique duas vezes na ramificação de recursos (nesse caso, a wish-list) para alternar para essa ramificação.

  4. Clique no botão Mesclar.

  5. Na janela pop-up que é exibida, certifique-se de confirmar que sua ramificação wish-list está destacada. Você está indicando que deseja adicionar a confirmação à ramificação principal a partir desta ramificação.

  6. Se você tiver um repositório do Git, marque essa opção na parte inferior: Criar uma confirmação mesmo se a mesclagem for resolvida via avanço rápido.

  7. Clique em OK. Você atualizou o arquivo supplyrequest em sua ramificação principal com o item wish-list. O Sourcetree terá uma aparência ligeiramente diferente dependendo de se você tem um repositório do Git ou do Mercurial.

  8. Se você tiver um repositório do Git, o processo está concluído. Se tiver um repositório do Mercurial, notará que precisa confirmar as alterações. Clique no botão Confirmar na parte superior. A mensagem de confirmação é, por padrão, uma descrição com "Mesclar." Mantenha essa mensagem e clique em Confirmar.

Passo 3. Transmita sua alteração ao Bitbucket

  1. From Sourcetree, click the Push button to push your committed changes.

  2. Na caixa de diálogo que aparece, clique no botão OK para transmitir as alterações para o repositório local.

  3. Clique na página Visão geral do repositório do Bitbucket e observe que é ´possível ver a transmissão no fluxo Atividade recente .

  4. Clique em Confirmações e poderá ver a confirmação feita no sistema local. Observe que a alteração mantém o mesmo código de confirmação que tinha em seu sistema local.

  5. Clique em Origem e depois no arquivo supplyrequest. Você pode ver que a última alteração no arquivo tem o código de confirmação que você transmitiu.

  6. Clique na lista do histórico do arquivo para ver as alterações confirmadas para esse arquivo, como mostrado na imagem a seguir.

Está pronto!

Isso foi intenso! Talvez. Depende de como isso se compara ao lançamento ao espaço. Agora que você sabe muito mais sobre o Bitbucket, está preparado para realizar muito melhor as atividades da sua estação espacial. Agora, faça um intervalo e vá olhar as estrelas.

Quer saber mais sobre o Bitbucket e o Sourcetree? Você pode assumir o desafio de atualiza o repositório de um colega da equipe.

Informações importantes

Para continuar a baixar este produto, você precisa concordar com o Contrato de licença de software da Atlassian e com a política de privacidade.

Download Cancelar